Há algumas maneiras de desenvolver sua marca pessoal e dar um salto na sua carreira. O personal branding é uma delas! Além da ferramenta ser uma parcela essencial para você gerir o seu próprio caminho profissional, usar esse recurso pode te ajudar a ser reconhecido no mercado e conseguir mais credibilidade com recrutadores. Olhe só como a frase abaixo resume esse conceito:

“Seja lembrado e procurado por aquilo que você tem a oferecer”.


Juliana Saldanha, estrategista em personal branding

Independentemente da sua profissão ou área de atuação, desenvolver um posicionamento pessoal e criar a sua reputação de acordo com o que você acredita é determinante para essa construção. Com essa visão mais estratégica sobre você mesmo, será possível, inclusive, deixar sua marca muito mais humana e rica em personalidade.

Ficou interessado em como você pode impulsionar o seu personal branding? Então, acompanhe o nosso artigo e confira dicas valiosas!

Como funciona o personal branding na prática?

Ao contrário do que muitos pensam, o personal branding não é uma autodivulgação. É muito mais do que isso: trata-se de uma construção contínua do seu reconhecimento! Ou seja, trabalhar em uma reputação que passe credibilidade será um exercício para a vida toda.

Veja um exemplo bem prático: quando pensamos na imagem de uma pessoa que admiramos, seja no quesito profissional ou pessoal, é automático vir à mente as principais qualidades e habilidades dela de acordo com o que foi construído ao longo do tempo, certo? Com a marca pessoal também funciona dessa forma. Ao ter atitudes positivas, você será visto e lembrado em uma concepção favorável, como se fosse a sua marca registrada.

É importante ressaltar que essa ferramenta não é uma característica apenas para mostrar o seu potencial para outras pessoas, mas também para você mesmo. Isso quer dizer que com objetivos e propósitos concretos, ficará muito mais fácil entender e desenvolver os seus diferenciais. Afinal, é isso que o recrutador espera de você: conhecer as suas visões e a sua história.

Dicas para estabelecer sua marca pessoal

Separamos algumas orientações para você impulsionar a sua marca pessoal e começar a inserir no seu dia a dia as melhores práticas. Vamos às dicas?

Defina sua missão, visão e valores

Antes de tudo, você precisa definir sua missão, visão e valores para o mercado. Mas o que isso quer dizer? Que para encontrarem o que você mais tem de valioso, é necessário estipular onde você quer chegar e como quer ser reconhecido. Essa é uma tarefa que exige uma pesquisa sobre você mesmo, ou seja, uma autorreflexão para entender quais são os pilares da “sua marca”. A sua identidade será bastante exposta nessa definição. Afinal, todos os seus objetivos deverão ser colocados em pauta para atrair o que você deseja.

Ao longo do tempo, é comum que aconteça, inclusive, reavaliações sobre esses pontos. Ainda que a sua essência seja conservada, assim como o mercado está em constante evolução, é normal que você atravesse transformações interiores e construa novos valores para acompanhar a vida em sociedade. Então, tenha em mente que é sempre possível se reinventar, combinado?

Contando a sua história

Os recrutadores estão de olho em como você conta a sua história – não só a profissional, mas também a pessoal. A influência surpreendente do storytelling faz deste um recurso que pode ser transformador para sua carreira: afinal, sabemos que por trás de você existe uma grande narrativa. Porém, ao aplicar essa técnica, algumas características precisam ser levadas em conta na sua estratégia de marca pessoal:

“A visibilidade (quem não é visto, não é lembrado) e a credibilidade (porque devo acreditar em você?) são fundamentais para nos ajudar na tomada de decisão e facilitar a nossa escolha.”


Juliana Saldanha, estrategista em personal branding

Ou seja: além de inspiradora, a sua narrativa precisa ser concreta e ter verdade. Grandes empresas e empresários chegaram onde chegaram traçando um discurso de confiança. Mas são os acontecimentos reais dessa trajetória que mostram atitudes e fazem a diferença.

Acredite, este pode ser o divisor de águas da sua vida profissional se bem aproveitado: uma vez que é o momento para você ligar os pontos, construir uma conexão maior entre movimentos que, soltos, por exemplo, poderiam transmitir falta de foco, mas, juntos, podem mostrar coragem para viver o novo e mudar.

Tenha presença digital

Sabia que a simples atitude de escrever ou publicar algum artigo com a sua opinião já é uma etapa da construção da sua marca pessoal? Pois é! As ferramentas digitais têm o poder de te posicionar significativamente e criar mais relevância para aqueles que deseja alcançar. Mas se você tem algum tipo de receio para escrever nas redes sociais, aqui vai uma dica: ao aplicar seu pensamento crítico, fica muito mais fácil adquirir informações interessantes e ser um formador de opinião mais confiante.

De um modo geral, se posicionar em suas redes é uma habilidade que, possivelmente, irá te tornar autêntico. Esse é um dos diferenciais mais importantes para a construção do seu personal branding. Então, que tal explorar mais as plataformas digitais e colocar em prática o seu senso analítico?

Conexões nunca são demais

Não basta apenas estar presente nas redes sociais! Você também precisa estabelecer conexões com outras pessoas. Aqui, não será considerado quantidade, mas, sim, a qualidade dos seus contatos. Além de amigos ou colegas de profissão, é interessante criar ligação com quem possa te agregar pessoalmente e profissionalmente. Quer ver um exemplo?

Se você trabalha no setor administrativo e quer se conectar com outras pessoas, o ideal é que procure por especialistas renomados na área ou que você admira como profissional. Além de se inspirar com conteúdos que, posteriormente, eles possam compartilhar, você ainda tem chances de realçar o seu posicionamento.

Encontre soluções criativas

Ao encontrar soluções inovadoras para sua marca, você se torna relevante no mercado e pode vir a ser referência como bom profissional. Agregue valor com conteúdos, posicionamento, valores e outras ferramentas para desenvolver sua criatividade.

Além de saber falar sobre você e sua história, lembre-se que é importante saber como pode contribuir com quem você deseja atrair – sejam recrutadores, profissionais, clientes. Portanto, se você quer se destacar na busca de um emprego novo, por exemplo, saiba explicar como e por que desenvolveu tais habilidades ou competências ou como construiu sua trilha profissional. Saiba, principalmente, como apresentar soluções criativas que possam acrescentar para a organização de interesse.

Viu só como a sua marca pessoal te ajuda a influenciar diretamente na sua carreira profissional? Para complementar seu conhecimento sobre personal branding, tem mais conteúdos interessantes vindo aí!

Nós recomendamos!

Quer ficar por dentro do universo do personal branding? Então, confira alguns materiais que separamos para você entender ainda mais do assunto e destacar a sua marca pessoal. Confira:

Canal – Personal Branding TV

O Personal Branding TV foi criado pela Daniela Viek que trabalha como relações públicas, empreendedora e personal branding. O conteúdo é especializado para ajudar as pessoas a estimular sua marca, carreira e negócio. O canal envolve também estratégias, dicas e entrevistas com profissionais de várias partes do mundo. Bacana, né?

Os vídeos são bem aprofundados e servem como verdadeiras aulas de marca pessoal. Então, que tal aprender sobre networking, posicionamento, imagem online e reputação para que você seja reconhecido profissionalmente?

Aproveite e assista ao conteúdo de Daniela sobre personal branding no início da carreira:

Livro – Personal Branding: Construindo sua marca pessoal

Esse conteúdo precisa entrar na sua lista de leitura! O Livro Personal Branding: Construindo sua marca pessoal conta como se diferenciar em um cenário profissional tão competitivo. Escrito pelo publicitário Arthur Bender, cada parágrafo da obra propõe uma discussão interessante para implementar o personal branding na carreira. O livro traz ainda comparações práticas e mostra como qualquer pessoa pode criar ou encorajar a sua própria marca pessoal.

Gostou? Então, compre o livro aqui e comece essa leitura que, sem dúvidas, vai incentivar e inspirar o seu desenvolvimento.

Filme – Steve Jobs

O filme que retrata a história do maior empreendedor e inovador dos últimos tempos, Steve Jobs, é um ótimo exemplo de personal branding. Pelo ponto de vista da marca pessoal, o visionário da tecnologia e cofundador da Apple sabia exatamente como se comunicar, como construir um papel autoconfiante em suas relações profissionais e como ser reconhecido. A biografia mostra os principais momentos da carreira de Jobs e como ele se transformou em uma figura lendária.

Assista ao trailer do filme na íntegra:

Blog – Juliana Saldanha

Juliana Saldanha é estrategista em posicionamento e comunicação de marcas pessoais e, hoje, aplica na prática a metodologia que criou para si mesma. Com foco em estratégias teóricas e técnicas, a personal branding realiza palestras, oferece consultoria e, inclusive, ministra um curso online – Movimente-se sua marca –, tudo com base na construção de uma boa marca e reputação. A profissional acredita que as pessoas são um diamante bruto que precisam (e devem) ser lapidado. Para ajudar empreendedores, estudantes e profissionais nessa missão, Juliana também disponibiliza conteúdos sobre o tema em seu blog pessoal. Aqui, aproveitamos para trazer um artigo muito interessante sobre marca pessoal.

“Personal Branding é pensar em você como marca, no sentido de que você é responsável por determinar a sua própria jornada, é o CEO de si mesmo. Você é (ou deveria ser) o responsável por criar as experiências ao seu redor e para o outro. E o retorno do impacto delas é que determinará a construção da sua reputação e da atração das oportunidades certas.”


Juliana Saldanha, estrategista em personal branding

Leia mais sobre o conteúdo aqui!

Evento – Personal Branding Experience (PBEX)

O Personal Branding Experience – PBEX é o maior evento de marca pessoal das Américas. Sua primeira edição foi em 2016 e reuniu renomadas pessoas desse universo. Em 2017, o evento foi no Brasil, em São Paulo, e foi um sucesso absoluto. Profissionais do mundo todo estiveram presente realizando palestras e trocando experiências.

O propósito do evento é trazer as melhores práticas, tendências, ferramentas e estratégias do personal branding. Tudo isso com experts que entendem verdadeiramente do tema.

Se você quiser fazer parte dessa vivência, aproveite para se inscrever e participar!

Confira como foi a edição do evento do Brasil:

Vale lembrar que, hoje, já existem profissionais especializados em gestão de imagem e carreira. Se você deseja investir nesse processo, saiba que procurá-los poderá ser uma ótima alternativa para trabalhar melhor o seu personal branding.

Que tal começar a aplicar todas essas dicas e impulsionar sua marca pessoal? Aproveite e entenda tudo sobre capacitação profissional e alavanque o seu desenvolvimento particular.